Take a fresh look at your lifestyle.

Após avanço do mar atingir mais de 60 casas e 16 estabelecimentos, Prefeitura de Ilhéus, na Bahia, decreta situação de emergência

A Prefeitura de Ilhéus, no sul da Bahia, decretou situação de emergência por causa dos estragos causados pelo avanço do mar na cidade. Um balanço feito pela Defesa Civil do município estima que 65 casas e 16 estabelecimentos comerciais foram afetados pelo problema nos últimos 30 dias.

Este é o segundo decreto de situação de emergência feito pela cidade este ano. Em junho, o município pediu auxílio por conta da chuva intensa na região e o decreto foi reconhecido pelo governo.

De acordo com o decreto novo, a área atingida pelo avanço da maré fica no litoral norte do município e tem extensão de 20 km. Entre os 16 estabelecimentos atingidos, estão barracas de praia, um restaurante, um hotel e uma pousada.

O mesmo relatório estima um prejuízo avaliado em R$ 4,7 milhões, que incluiu, além dos danos estruturais, perdas na movimentação do turismo e comércio.

Segundo a prefeitura, o alerta foi enviado para a Defesa Civil do estado no último sábado (31). O município aguarda a visita de técnicos do órgão para homologarem o decreto de situação de emergência. Ao G1, o coordenador da Defesa Civil de Ilhéus, Joandre Neres, informou que uma visita está marcada para a segunda-feira (9).

“Estamos aguardando a visita. Depois disso, passa para o Governo Federal reconhecer [o decreto]. E aí o município tem o aval de poder estar fazendo medidas preventivas. No caso, compra de rochas, sem licitar, que nesse caso para facilitar, como estamos em situação de emergência. Assim como também liberar licenças ambientais para os moradores que quiserem fazer algo particular em alguma área”, contou Joandre Neres.

“Algumas obras emergenciais cabem à Secretaria de Infraestrutura que também pode estar realizando isso. A Defesa Civil tem o papel de fazer o levantamento dessas áreas e encaminhar para eles e indicar onde precisa fazer”, completou.

Enquanto o auxílio de fora não chega, os moradores da cidade e a administração lidam com os problemas. Nesta semana, a Defesa Civil municipal fez um novo alerta de maré alta para o dia 15 de setembro

[Por: R. Amaral I Fonte: G1 I 07/09/2019 ]

Compartilhe:
Comentários
carregando...
WhatsApp Whatsapp da TV Liberdade